Archive for junho \30\UTC 2010|Monthly archive page

Agradáveis surpresas do cotidiano

Interessante as mensagens que nos são oportunizadas em diferentes passagens de nosso cotidiano.

Na semana que passou tive contato com uma música bastante interessante, cuja mensagem achei bastante oportuna e resolvi compartilhar com meus leitores:

O que eu penso a respeito da vida

É que um dia ela vai perguntar

O que é que eu fiz com meus sonhos?

E qual foi o meu jeito de amar?

O que é que eu deixei pras pessoas

Que no mundo vão continuar?

Pra que eu não tenha vivido a toa

E que não seja tarde demais

Este é apenas um trecho da música Vou Falar Certas Coisas, composta por Jorge Trevisol.

Anúncios

Astronautas por Mario Quintana

Algum tempo atrás ganhei de aniversário um livro chamado Ora bolas – o humor de Mario Quintana. Um conjunto de 130 historinhas compilas e adaptadas por Juarez Fonseca (L&PM Pocket).

Nem sempre consigo ler meus presentes no momento que os recebo (os livos no caso!). As vezes deixo-os para desfrutar em um momento mais oportuno. Este foi o caso deste livro!

Semana passada iniciei a leitura do livro. As primeiras páginas demonstram que é uma ótima opção de leitura e que devo recomendar a todos. Por isto, se não souberem um presente para dar ou para comprar para si mesmo, recomendo este livro fantástico!

Outra grata surpresa que as páginas têm me revelado é o lado cômico de um poeta de renome, conhecido por seus fantásticos versos. Admiro pessoas de bom humor e quem sabem rir de si mesmos!

Para terem um pequeno gostinho do livro, reproduzirei aqui a poesia que Mario Quintana escreveu enquanto Neil Armstrong saltitava na lua, em 20 de julho de 1969:

Todo astronauta que se preze

Há de trazer pelo menos

Um dos anéis de Saturno

E uma camisa de Vênus.